Caráter (ou a carência dele)

Caráter é a conduta e a moralidade determinadas por um combinado de defeitos e qualidades de uma pessoa. É firmeza e coerência de atitudes. Já a carência dele induz a erros regulares, como a traição, que prejudicam o outro.

Ter caráter é característica de personalidades honestas, dignas, íntegras, decentes. São aquelas pessoas que estão sempre prontas para apoiar os outros, para ajudar. Pode observar-se nelas atitudes de bondade, gentileza, gestos de amor, cuidado e respeito pelas pessoas à sua volta. Eu sei que é difícil saber do que falo, afinal isto do caráter caiu em desuso. Mas pensem bem, devem conhecer pelo menos uma pessoa com caráter, mesmo que já tenha falecido…


Caráter (ou a carência dele)

Se ter caráter significa que alguém tem todas estas características irrepreensíveis, a ausência dele inverte totalmente os atributos.  A falta de caráter verifica-se muito quando alguém fere outra pessoa, ou pessoas, repetidas vezes, mesmo causando danos ou ferindo sentimentos e não deixa de o fazer. Obviamente que gentinha dests (que anda por aí aos trambolhões) usufruem de baixa consciência moral, mas não lhes afeta o QI. Não, elas sabem bem o que fazem e o que provocam. É o que lhes dá gozo! Dizer uma coisa e fazer outra não é só hipocrisia, é ausência de caráter mesmo!


Traição!

A traição recorrente e a mentira, quer para com o/a companheiro/a, colegas de trabalho, círculos de amizade ou família, ou seja, a quebra de confiança e de acordos, são indicadores de falta de caráter. Esta gentinha apesar de lhes faltar o caráter, não lhes falta QI (como já referi). Portanto sabem bem a quem devem demonstrar um caráter falso ali às pressas. Ou a pessoas com dinheiro, ou a quem lhes possam oferecer algo em troca. Sempre a moeda de troca ao serviço. Arrogantes e interesseiros!


Manipuladores que não assumem erros

Também são peritos em manipulação (a quem já dediquei um artigo aqui). Induzir alguém a pensar ou a fazer algo de forma diferente do que pretendiam primeiramente é um comportamento egoísta e mostra falta ou total ausência de consideração pelo outro, virando sempre o jogo para o seu próprio favorecimento. E com mestria! Gente com falta de caráter atribui a outros a responsabilidade por atos que deveriam ser assumidos por eles próprios. Eles são perfeitos, não cometem erros, os que os rodeiam é que falham constantemente.

Todas as características mencionadas em cima, são frequentes observáveis em sociopatas, pessoas com ausência de consciência e consideração pelos outros… Mas não sou psicóloga ou psiquiatra, que sei eu?


Como lidar com gente mau caráter

Ora primeiro dizer que não há cura para tal maleita. Assim sendo o que aconselho é que lhes deem o mesmo tratamento que se dá a um praticante de bullying (até já aprendi a escrever a palavra corretamente, porque será?). Este tratamento consiste em não dar importância a esta gentinha. Não olhar para eles, não falar deles, simplesmente ignorar. O contra-ataque apenas irá empolar a situação e criar verdadeiros ringues onde se luta pelo poder e ego. Desprezar e ignorar. O que não é difícil, porque afinal é gentinha e não gente.

Caráter ou falta de caráter, manipulador

 

Follow my blog with Bloglovin

Comments

  1. Pingback: A Ética Social está à beira de um perigoso colapso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.