Depilação, Sim ou Não?

Depilação, Sim ou Não? Quem gosta de ver tudo pelado e quem prefere tudo peludo?

É sobre este tema giríssimo que vou dissertar – pelos, tão bom! E um assunto que, pessoalmente, sempre me incomodou. Odeio pelos e, para cúmulo, fui contemplada com um belo conjunto deles (obrigada aí em cima ãh). Sofri tanto e durante tantos anos nas marquesas enquanto alguém se encarregava da árdua tarefa de me deixar pelada. Mas tinha de haver sempre um corajoso e indesejado pelo a tentar escapar passando despercebido. Coitado, não sabia que tinha nascido num corpo onde não tinha hipótese de sobrevivência (válido também para pessoas por quem não nutro sentimentos simpáticos).


Depilação: Sim ou Não?

Na verdade, sei que eu sou um caso especial, porque odeio de paixão todo o tipo de pelos, mas apercebo-me de que para outras pessoas este bicho que 7 cabeças não as incomoda. (Claro que já me habituei à ideia de que penso de maneira diferente dos restantes comuns mortais, a esta altura até vocês já deram conta disso.) Ainda assim fico bastante chocada quando vejo pessoas a exibir os seus belos sovacos cheios de pelugem que até saltam fora das mangas curtas! Ou nos pés! Sim, já vi pelos (muitos e grossos), nos dedos dos pés de uma senhora, vomitei tudo o que comi nesse dia! Depois há também os pelos púbicos que se tornam públicos! Menos pessoal, muito menos, pintelhos para dentro se faz favor! E as t´shirts de pele e de pelo que certos homens usam em alturas de calor?? Uma coisa é certa, gostos não se discutem, e respeito (não entendo, mas respeito) quem considere que o pelo é giro e que não incomoda.


 A tormenta de ir para a praia

Ir para a praia, piscina ou rio, era uma tormenta. A labuta começava cedo, preferencialmente no dia anterior, ou seria impossível sequer carregar com tanto pelo pela areia fora e água então, nem tocar (afinal existe um motivo para os nadadores profissionais se depilarem, certo?). Sim, porque eu tinha todas as máquinas e maquininhas, ceras e cerinhas, cor-de-rosa, chocolate, mel. Tudoooo! Andava sempre prevenida para expulsar do meu corpo aqueles indiscretos pinheiros que não desistiam de me infernizar a vida!


Laser meu querido…

Mas toda essa quase obsessão terminou há uns anos atrás. Descobri o meu melhor amigo de todos os tempos – o laser! Sou verdadeiramente apaixonada por ele! Se fosse gajo, ou gaja até, não me escapava! Desde que eu e ele travámos conhecimento que lhe fiquei fiel e nunca mais andei por outras paragens. Se isto não é amor, então não sei o que será! Apenas experimentei a depilação com linha para as sobrancelhas, mas nem gostei, dói que se farta! E o “meu” laser pode doer qualquer coisa, mas é depilação definitiva, portanto depois ganho mais tempo para o lazer (tinha de fazer este trocadilho, desculpem).

Acho importante dizer-vos que o laser é indicado tanto para depilação feminina como masculina e para todas as zonas do corpo.

E vocês o que me dizem? Depilação, sim ou não?

Depilação sim ou nao

Comments

  1. Andreia Morais

    Cada pessoa sabe de si e respeito todas as opções que fazem em relação a este tema. Aliás, acho muito bem que não se sintam aprisionadas à ideia de seguir uma determina convenção. No entanto, não contem comigo para esta luta, porque detesto pelos e faz-me mesmo confusão andar com eles à mostra.
    Há uns meses, ia no metro e entrou uma rapariga de calções, quando se sentou reparei que não tinha a depilação feita. Não me incomodou ver e, lá está, respeito a sua decisão, mas sei que não era capaz de fazer o mesmo, até porque não me sentiria confortável.

    1. Edmar

      Se calhar a rapariguita já se estava preparada para o inverno e para a hibernação. Na falta de uma camadinha de reserva de gordura, uma camadinha de pelo dá sempre um jeitaço. 😀

    2. Post
      Author
  2. Edmar

    Não sendo eu aquilo a que se chama “um homem de barba rija”, de pelos pouco ou nada posso falar, uma vez que a dita (barba) só deu o ar da sua graça contava eu quase quarto de século.
    Se gosto de pelos? Os meus (poucos), estimo. Os dos outros respeito. Mesmos os mais rebeldes e irreverentes que saltam pelas mangas curtas das t-shirts ou os que espreitam pelas narinas ou orelhas dos transeundes. Para evitar o regurgitanço, olho para o lado e apagar da memória a visão do inferno!

    1. Post
      Author
      Minorka

      Visão do inferno! Não diria melhor! Não posso deixar de dizer que invejo, com muita força, os teu poucos pelos.
      Vou tentar apagar isso da minha memória!

      1. Edmar

        Só de lembrar que aqui há uns anos o mulherío suspirava pelo Tony Ramos e o seu taperinho de arraiólos…:P
        Gostos não se discutem, lamentam-se.

    2. Post
      Author
    1. Post
      Author

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.